cnpv

Atenção para os carros mais roubados no Brasil em 2020.

Atenção para os carros mais roubados no Brasil em 2020.

Saber quais veículos estão na lista dos carros mais roubados do Brasil é importante para tomar decisões de negócios.

Certamente, saber quais veículos estão na lista dos carros mais roubados do Brasil é um indicador significativo para as Associações, principalmente para contratos de proteção de roubos e furtos .

Apesar disso, ainda é comum ver Associações de Benefícios Mútuos se prejudicarem com despesas excessivas por não terem diversas informações relevantes a nível Brasil, sobre ocorrências, associados, etc.

O CNPV é uma poderosa ferramenta desenvolvida com a finalidade de dar mais informação para sua Associação.

Afinal, o que ninguém deseja é ver o seu patrimônio — e consequentemente todo o dinheiro investido nele — ser desperdiçado.

Atenção para os carros mais roubados no Brasil em 2020.

Por que é preciso se informar sobre os carros mais roubados do Brasil?

Visto que a insegurança continua a ser um dos problemas mais graves do Brasil, não estamos isentos da ação de criminosos e de possíveis fraudes.

Só para exemplificar, dados recentes de 2020 apontaram que, embora o cenário de crise nacional do novo Coronavírus, o roubo e furto de carros cresceu 14,5% durante a quarentena.

De fato, não dá para se arriscar em grandes centros com carros que a maioria dos ladrões está de olho. Em outras palavras, pode significar prejuízo financeiro e dores de cabeça.

Ou seja, com esse número chamamos a atenção do setor de ABM já que, dessa forma, torna-se possível prevenir contratos que podem gerar negativas administrativas.

De acordo com o Índice de Veículos Roubados (IVR) da Superintendência de Seguros Privados (Susep), existem 10 modelos mais visados, veja abaixo:

10 carros mais roubados no Brasil:
  • Hyundai HB20 — 319.158 veículos segurados, com 2.131 ocorrências e IVR de 0,668 %;
  • Chevrolet Onix — 310.731 veículos segurados, com 1.779 ocorrências e IVR de 0,573 %;
  • Toyota Corolla — 241.296 veículos segurados, com 1.011 ocorrências e IVR de 0,419%;
  • Volkswagen Gol — 218.768 veículos segurados, com 1.708 ocorrências e IVR de 0,781%;
  • Renault Sandero — 187.495 veículos segurados, com 1.220 ocorrências e IVR de 0,651%;
  • Honda Fit — 179.501 veículos segurados, com 722 ocorrências e IVR de 0,402 %;
  • Fiat Palio 1.0 — 178.014 veículos segurados, com 1.402 ocorrências e IVR de 0,788%;
  • Ford Ka 1.0 — 176.100 veículos segurados, com 1.008 ocorrências e IVR de 0,572 %;
  • Chevrolet Prisma — 170.904 veículos segurados, com 962 ocorrências e IVR de 0,563 %;
  • Ford Fiesta acima de 1.0 — 166.591 veículos segurados, com 859 ocorrências e IVR de 0,516 %.
Atenção para os carros mais roubados no Brasil em 2020.
Dados apontam o HB20 como o mais roubado do Brasil

Como posso proteger minha Associação contra dolos?

Inegavelmente, o ranking de carros roubados no Brasil acima pode variar entre as cidades. Contudo, a maioria das ocorrências tem por objetivo o repasse de carros para desmanches assim como a revenda de peças no mercado informal por preços mais baratos.

Sabemos que existem proprietários de veículos que utilizam esses serviços com má fé e além disso, acabam “tapeando” para receber indenizações, mesmo sem ter tido nenhum sinistro real ou dando informações equivocadas sobre tal sinistro.

Por consequência de problemas como esse é que você deve contar com o Cadastro Nacional de Proteção Veicular. Só com ele as ABMs poderão se prevenir de negativas administrativas e outras situações que certamente geram despesas.

Leia mais sobre as vantagens de contratar o CNPV

Fonte de dados: Susep https://www2.susep.gov.br/menuestatistica/RankRoubo/menu1.asp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *